25/07/2018 07:52

Quantidade de visualizações: 185

Paulo César Desidério com Gilvan Melo

Existente há muitos anos em Tangará da Serra, a Associação Olímpica de Karatê tem treinado e formado atletas que competem a nível internacional e com isso, o crescimento da entidade não cessa. Recentemente, mais um exame de faixas foi realizado. O sensei Felipe, destacou que cerca de 30 caratecas se graduaram junto a associação.

“Durante o ano letivo, nós temos dois exames de faixas, dependendo também do nível de faixa. Quando vai se aproximando da faixa roxa, marrom, preta, aí se torna um tempo mais extensivo. Tivemos no dia 26 de junho o exame de faixa da Associação Olímpica e de uma extensão nossa, a Escola Caracol Kids. Também foi feito lá para crianças de 4 a 6 anos. Nós tivemos de torno de 30 caratecas que se graduaram e deverão nesses próximos dias ter a cerimônia de entrega de certificados”, afirmou.

Além do exame, caratecas faixas preta tangaraenses estiveram na capital do estado realizando curso de arbitragem da modalidade, como forma de aprimorarem o conhecimento a respeito do karatê.

“Sábado passado nós enviamos para Cuiabá num curso que teve de arbitragem do Karatê Olímpico. A Associação Olímpica é a única que está filiada ao Karatê Olímpico na região. As outras entidades que existem por aí não estão. Portanto, é bom esclarecer que quem se tornar um carateca em destaque e for para as olimpíadas, somente através da Federação de Karatê do Estado de Mato Grosso poderá ir para as olimpíadas. Nós enviamos para Cuiabá nesse último final de semana cinco dos nossos faixas pretas e eles fizeram um curso de arbitragem com as últimas novidades da arbitragem do karatê olímpico”, acrescentou.