02/07/2018 07:16

Quantidade de visualizações: 167

Paulo César Desidério com Asis Wébio

O vereador Zedeca (MDB) não está nada contente com a situação do trânsito em Tangará da Serra, em especial a trafegabilidade de vias próximas à rodoviária do município. Na sessão da última terça-feira (26), o parlamentar lembrou de uma indicação que fez há cerca de uma no junto a Superintendência de Transportes Aéreos e Viários (Sutrav), que segundo ele, não foi atendida.

“Vai fazer um ano mais ou menos que eu levei um documento na Sinfra para que mudassem ou fizessem uma melhoria no contorno da rodoviária. A Sebastião Barreto teria de ligar a mão descendo para a rua 19, porque os ônibus ao fazerem o contorno para virarem à esquerda, estão batendo nos carros e já aconteceram cinco, seis acidentes ou mais”, explica.

Para Zedeca, a ausência de resposta ou o fato de tê-la recebido tardiamente sem solução do problema é um risco que a Sutrav, em conjunto com a Secretaria de Infraestrutura (Sinfra) corre, pois há a possibilidade de que algum cidadão tangaraense acabe perdendo a vida por conta de um eventual acidente no local.

“Encaminhei uma solicitação para a Sutrav e até hoje não fui atendido. Liguei hoje e quero dizer também ao Selton, que é uma responsabilidade também da Sinfra junto com a Sutrav. Se acontecer hoje ali um acidente que venha a ocasionar a perda de vidas, o município é o culpado sim pelo que acontecer, porque está para eles resolverem. Eu sou vereador para receber as cobranças e passar. A responsabilidade dessas pessoas é de resolver e não deixar escondido debaixo do tapete aquilo que podem e sabem fazer”, acrescentou, ao explicar que alterar o sentido da rua Sebastião Barreto, ao menos no trecho dos arredores da rodoviária já ajudaria.

“A rua está só subindo, então ela precisa descer, mesmo que seja em duas mãos. Mas se for uma mão só descendo já é muito importante, porque os ônibus conseguem fazer o retorno e descer sentido a rua 19, sair na Tancredo e ir para Cuiabá. No momento, do jeito que está lá, eles não conseguem porque é estreito. As pessoas estacionam os carros perto do contorno, ontem mesmo bateu abalroou um carro de um senhor e deu o maior problema. Isso aí é responsabilidade da Sutrav e do município”, disse.

Por fim, Zedeca manifestou irritação com a informação que obteve de que Sinfra e Sutrav trabalham na elaboração de um projeto. Para ele, pelo tempo da solicitação, providências já deveriam ter sido tomadas.

“Me disseram que vão fazer um projeto. Projeto não, gente! Resolvam o problema, porque se for esperar o projeto, demora muito. Tem um ano que eu fiz a indicação e não fomos atendidos e é uma grande problemática em volta da rodoviária”, apela o vereador.