29/06/2018 07:42

Quantidade de visualizações: 353

Marlenne Maria com Gilvan Melo

O espetáculo que o grupo vai apresentar é baseado no livro Morte e Vida Severina, do autor João Cabral de Melo Neto.

A obra conta a sofrida e difícil vida dos retirantes nordestinos. Mas, o grupo quer, com o espetáculo, mostrar um outro lado da história. “Nosso tema é baseado no livro Morte e Vida Severina, de João Cabral de Melo Neto, que conta a vida difícil do retirante nordestino. Estamos tentando mostrar a parte boa da vida, não só a parte triste e sofrida. Queremos ver esperança nesta vida, mostrar a alegria de viver que está nas pequenas coisas”, relata Rafaela Gomes dos Santos, dançarina, integrante do Grupo.

Segundo ela, a expectativa é grande, porque o evento reúne grupos de todo o Mato Grosso em Porto Alegre do Norte. Para chegar com tempo e se preparar, os tangaraenses saíram ontem. Eles se apresentam no festival no sábado (30). “É um grande evento para ajudar a cultura no estado inteiro. Nós aqui de Tangará, Os de Fora temos o orgulho de representar nossa cidade lá. É muito bom porque conseguimos reconhecimento em toda a região. E quando eles conhecem nosso trabalho, vem os convites de todas as cidades. Estamos ensaiando todos os dias para levarmos um belo espetáculo. Isso é bom também para a ocupação dos jovens”, ressalta Rafaela.

Caso consiga boa classificação nesta edição, o grupo vai para a edição nacional. “Ano passado fomos a Brasília e estaremos disponíveis para ir para onde pudermos. Vamos com garra para conseguir uma boa classificação e ir para o nacional”, disse a dançarina.