25/05/2018 07:42

Quantidade de visualizações: 311

Marlenne Maria com Gilvan Melo

Fotos: Gilvan Melo/Rádio Pioneira

A reportagem da Rádio Pioneira acompanhou um dos treinos dos alunos do projeto nesta quarta-feira (23). Um grupo deles esteve recentemente em Sapezal, participando de uma competição regional, onde várias medalhas foram conquistadas.

O gestor da escola Gentila Suzin Muraro, da rede Municipal de Ensino, Professor Palmínio Garrido, gestor da Escola, destacou a importância da parceria para que o projeto aconteça. Há participação das Secretarias de Assistência Social e Educação, entre outras. “O objetivo é tirar esta garotada da ociosidade. Enquanto eles estão trabalhando em contra turno fica um pouco de lado o celular e principalmente a rua. Precisamos ocupar a mente destes meninos com coisas boas. Há muitas, mas o Karatê é uma delas”.

Ele disse que ficou surpreso que na primeira participação em uma competição, houve grande número de premiações. “Eles foram muito bem nesta etapa regional e representaram o município de Tangará como um todo. Houve boas surpresas com primeiras e segundas colocações”.

O projeto é desenvolvido sob a coordenação do Sensei Josué Carvalho, que atua também na Escola Patriarca da Independência do Distrito de Progresso, no CRAS da Vila Araputanga e em uma comunidade terapêutica.

O Sensei afirma que o primeiro objetivo é o desenvolvimento de virtudes nos participantes. “A primeira coisa que trabalhamos são os princípios morais, éticos, patriotismo, civismo e respeito ao ser humano”.

Sobre a competição recente em Sapezal, o Sensei relata que foi uma etapa classificatória para o campeonato Brasileiro que será realizado em setembro em Brasília. “Terminando este em Brasília, teremos outro internacional, onde estão confirmados 17 países e os que se classificarem no brasileiro poderão também participar”.

Josué Carvalho ressalta que é notável a disciplina que os alunos incorporam às suas vidas. “Alguns inclusive ficaram de fora da competição mais recente por causa de seu comportamento. Isso porque nós trabalhamos esta consciência da obediência nas crianças. Esta é a finalidade das artes marciais, inclusive do Karatê’.

Na Escola Gentila Suzin Muraro, o projeto acontece todas as quartas e quintas-feiras no contra turno de aula dos estudantes.

​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional​Karatecas de projeto social do San Diego se classificam para competição nacional