16/04/2018 07:32

Quantidade de visualizações: 215

Marlenne Maria com Gilvan Melo

O evento acontece de 18 a 20 de abril no Centro Cultural e é aberto a toda a população tangaraense. “A expectativa é grande para que tenhamos a participação dos amantes da literatura, dos escritores e também de acadêmicos”

Durante o evento algumas obras serão lançadas e haverá destaque para autores locais, regionais e estaduais. Anselmo Parabá, Chefe do Departamento de Cultura explicou que o mês de abril é de comemorações no que tange à produção literária. “Dia 18 é considerado o Dia do Livro Infantil, em função do autor Monteiro Lobato. Há uma série de comemorações em função disto. Dentro do mês de abril se comemora também o Dia do Livro, dia do Escritor, Dia do Poeta, Dia do Jornalista, então colocamos todos dentro do pacote da Semana do Livro”.

O dia 18 dará destaque aos escritores regionais. “Todos os escritores aqui de Tangará da Serra, pessoas que construíram a história dentro da literatura no município. Vamos fazer uma exposição com os livros que temos no acervo da Biblioteca Pública Municipal. São mais de 50 livros de autores tangaraenses. E vamos receber também os escritores regionais, entre os quais Marta Cocco, Alexandre Rolin e o Everton Barbosa da Unemat.Falarão sobre como foi receber o Prêmio Mato-grossense de literatura”, explica Parabá.

Já no dia 19 estará presente ao evento a Professora Coordenadora do Departamento de Letras que trata em seu Doutorado de projetos de cartonera. “Teremos uma oficina de cartoneras e palestra sobre o assunto para ensinar como produzi-las e como girar esta forma de publicação de um livro que é tida de baixo custo e de fácil acesso”, disse Parabá.

Já no encerramento do evento, dia 20 de abril, a proposta é considerada a principal e terá participação dos imortais da Academia Mato-grossense de Letras. Segundo Parabá, virão para Tangará da Serra, entre outros integrantes da instituição, o Presidente da Academia Mato-grossense de Letras, Carlos Gomes de Carvalho. “Ele vem com outros dois integrantes da academia e junto com a Professora Marta Cocco falarão sobre o que é a Academia Mato-grossense de Letras. Temos agora duas vagas disponíveis dentro da Academia e para nós seria uma honra se tivéssemos condições de indicar escritores de Tangará para esta academia”, finalizou Anselmo Parabá.