12/03/2018 07:17

Quantidade de visualizações: 229

Rádio Pioneira com Gazeta Digital

Ministros Blairo Maggi, Henrique Meirelles e José Sarney Filho participam do evento Gazeta Agro

O Grupo Gazeta de Comunicação realiza nesta segunda-feira (12) o Gazeta Agro. O evento conta com a presença dos ministros da Agricultura, Blairo Maggi, da Fazenda, Henrique Meirelles, e do Meio Ambiente, José Sarney Filho. A programação inicia a partir das 8h no Cenarium Rural, em Cuiabá, e as inscrições são gratuitas. No evento serão debatidas questões que afetam diretamente o agronegócio, como as perspectivas econômicas, a política agrícola desenvolvida pelo Mapa e a legislação ambiental.

A abertura oficial do evento será realizada às 9h e contará com a participação do governador Pedro Taques. Logo após, os ministros farão as suas apresentações. Blairo Maggi falará sobre a abertura de mercados, Henrique Meirelles sobre as perspectivas econômicas e José Sarney Filho sobre o Código Florestal.

Ambos escutarão as demandas das entidades agrícolas, já que o debate contará com a presença de representantes da Aprosoja Brasil; da Confederação Nacional da Agricultura (CNA); da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa); da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec); e da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA).

“Iniciativas como essa são extremamente importantes para fortalecer o setor que, hoje, sustenta a economia do país. O IBGE divulgou inclusive, que o crescimento do PIB em 2017 foi impulsionado pelo aumento de 13% no setor agropecuário. Esse foi o maior da história desse 1996. Não há como negar a força do agro brasileiro”, disse o ministro da Agricultura, Blairo Maggi.

Produtos agropecuários de Mato Grosso que já chegam a diversos destinos do mundo poderão ampliar ainda mais o seu alcance, com a abertura de novos mercados. No ano passado, o ministro e o secretário-executivo do Mapa, Eumar Novacki, lideraram viagens internacionais com o objetivo de ampliar as relações de comércio internacional. Em 2016, as negociações comerciais feitas pelo Mapa com 17 países resultaram na abertura de mercado para 22 produtos brasileiros o que representou US$ 8,3 bilhões anuais.

Para expandir, o setor conta com ações de apoio à produção. No âmbito da política agrícola desenvolvida pelo governo federal, o Mapa executa o Plano Safra (Plano Agrícola e Pecuário - PAP) todos os anos. Na safra 2017/18 foram disponibilizados R$188,3 bilhões para o crédito rural em operações de plantio, comercialização e custeio. Para o Seguro Rural foram destinados R$ 550 milhões e R$ 1,4 bilhão no apoio à comercialização da Política de Garantia de Preços Mínimos (PGPM).

Além disso, as ações de custeio do milho foram fundamentais para evitar um crise maior ao setor no ano passado. “No caso do milho neste ano foram mais de R$ 800 milhões injetados diretamente ao produtor. É um recurso que movimentou toda a economia do Estado”, ressalta o secretário de Política Agrícola do Mapa, Neri Geller, que fará uma apresentação a partir das 14h30, quando iniciará o debate entre as entidades e os representantes do agronegócio em Mato Grosso, como a Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja/MT), Associação Matogrossense dos Produtores de Algodão (Ampa), Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) e Associação Brasileira do Agronegócio (Abag) e Abrapa.