27/10/2017 07:15

Quantidade de visualizações: 111

Marlenne Maria - da Redação

O evento acontece na próxima segunda-feira (30) no auditório da UNIC, com início marcado para 19:30. O evento é aberto ao público em geral.

A Diretora Social do GAO Edna Girotto disse em entrevista ao programa O Povo no Rádio da Pioneira que na oportunidade será feito o lançamento da campanha Novembro Azul. “No começo do mês fizemos a abertura do Outubro Rosa e neste seminário faremos a abertura do Novembro Azul. As duas campanhas são realizadas juntas. Ao longo do mês várias escolas foram visitadas com palestras e fizemos o café em prosa todas as sextas-feiras na sede do GAO. Lá recebemos sempre as pessoas que nos acompanham e alguns convidados que nos prestigiam para conversar e tratar sobre o câncer”.

Toda a comunidade está convidada a comparecer ao seminário. Inscrições serão feitas no local para quem desejar receber certificado de participação. “Sabemos por experiência que quando chamamos a população para palestras e orientações não temos sempre uma resposta positiva. Este ano faremos o seminário em parceria com a UNIC que nos cedeu o espaço. Foram convidados todos os alunos da instituição, em especial da área da saúde para que nos ajudem futuramente a disseminar estas informações na profissão e em seu círculo familiar e de amigos”, destaca Edna.

Ela convidou a comunidade a comparecer. A programação contará com dois palestrantes. “Aproveitamos aqui para convidar a todos pare este seminário que terá dois palestrantes: a ginecologista Dra. Gabriela que falará sobre o câncer de mama e o Dr. Elder que é Urologista e falará sobre o câncer de próstata. Tudo isto tentamos trabalhar para que as pessoas se conscientizem da importância da prevenção. Não queremos que chegue a doença. Sabemos que a prevenção é o melhor remédio. É importante que mulheres e homens se cuidem. Trabalhamos muito isto: que se deem de presente o exame preventivo”, destacou.

Mamografias

Edna Girotto disse que o GAO tem acompanhado o trabalho de realização de mamografias pelo SUS. “Esta é uma cobrança constante e temos conversado sempre como secretário de saúde. Na última conversa conseguimos o compromisso de que estes exames sejam priorizados. Ele nos informou que os exames que estavam parados já foram todos laudados e que está tentando colocar este atendimento em dia. Nós acreditamos que isto venha a acontecer”.

Autoexame

Ela ressaltou que a prevenção não se faz somente pela mamografia. “O câncer está atingindo numa idade bem precoce. Temos pessoas jovens com câncer de vários tipos. Então destacamos que é importante a pessoa conhecer seu corpo. O autoexame não é prevenção. É o autoconhecimento do corpo, para perceber se há algo diferente que alerte fora do prazo de exame anual, para que se busque um médico. O autoexame deve ser feito nos seios sempre pouco depois da menstruação. Faz exame para verificar se há algum carocinho, abaulamento ou alguma alteração no seio. Se isto for encontrado, é preciso procurar o médico antes do mês em que se costuma fazer o exame preventivo”.

Edna lembrou que o volume de casos de câncer tem crescido no mundo todo. “Tanto é que se ouve muitos dizerem que será a doença do século. Tem aumentado muito e isto fica claro não só para nós do GAO, mas para todos que acompanham os noticiários”.

Ela destacou ainda que estudos demonstram que quanto mais precocemente diagnosticado melhor a resolutividade do tratamento do câncer. “Tentamos trabalhar o ano todo, porque o intuito do GAO é dar apoio às famílias que lidam com a doença. O paciente que recebe esta notícia fica muito abalado e nem sabe para onde ir. É neste momento que o GAO entra como apoiador”.

A programação do GAO segue ao longo do mês de novembro com palestras em diversos pontos enfocando a prevenção do câncer de mama e de próstata.