11/08/2017 13:44

Quantidade de visualizações: 85

Marlenne Maria - da Redação

Em entrevista na manhã desta 6ª-feira (11) ao programa O Povo no Rádio, o advogado Kleiton Carvalho, presidente da 10ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil de Tangará da Serra, falou sobre o perfil dos profissionais e o exercício da profissão.

Ele destacou que a Advocacia é a única profissão que consta na Constituição como sendo indispensável à Justiça. “Isto traz uma responsabilidade em nosso dia a dia, no trato que temos que ter com nossos clientes e também com a representação em relação às demandas sociais. Ser advogado é realmente estar em pé de igualdade com a Magistratura, com o Ministério Público e outros cargos que fazem parte da Justiça. Mas, vamos além, fazendo muitas vezes até o trabalho de defensor público e trabalho social”.

Kleiton Carvalho defende que independente da profissão, é preciso ser vocacionado. No caso do advogado, além de ser vocacionado, o primeiro requisito é querer estudar. “É preciso ser estudioso e ter a certeza de que vai estudar até o último dia da vida. Como o arcabouço de legislações e ramos para atuar é muito grande, é preciso estar sempre se aperfeiçoando. Em poucos anos a legislação muda. A Justiça mudou. Hoje falamos em processo judicial eletrônico. Há 25 anos, mal tínhamos informática boa, era máquina de escrever e hoje não tem papel. Então, hoje não basta entender tudo de leis, é preciso ter um profissional de informática junto ou se desdobrar para fazer o processo judicial eletrônico”.

Em relação aos processos eletrônicos, em Tangará da Serra já atuam na modalidade o Juizado Especial de Pequenas Causas e o Posto da Justiça Federal, nos processos previdenciários. “Isto é bom para a sociedade porque o resultado é mais rápido”, destaca Carvalho.

Serviço Social

Na programação preparada para comemorar o Dia do Advogado, foram inclusas importantes contribuições sociais, a exemplo de duas palestras sobre prevenção às drogas e orientação vocacional para alunos. “Digo sempre que a OAB não é uma entidade classista para defender somente os interesses de seus pares. Neste mês e em outros meses do ano sempre envolvemos a sociedade, os estudantes em particular da rede pública em atividades. Neste mês, já realizamos eventos informativos, para levar conhecimento e também eventos festivos”, destacou o Presidente.

Já na parte social, foi realizado no último final de semana o 11º Baile de Gala, evento que contou com a participação de 600 pessoas. “Ficamos muito felizes com o resultado, com presença maciça de advogados e também da seccional estadual, presidentes de subseções diversas do estado também. Foi uma alegria muito grande e isto mostra a força de nossa classe e a pujança de Tangará da Serra”.

A programação social será encerrada hoje na sede da ordem com um happy hour para os associados. A entidade reúne em torno de 500 advogados entre Tangará, Barra do Bugres e Campo Novo do Parecis.

Próximos eventos

O Presidente da OAB informou também que no dia 1º de setembro, a ordem trará para Tangará o projeto “Entre Laços e Abraços”, para informação e prevenção do Câncer. “Este projeto é capitaneado pelo médico oncologista Dr. Eduardo Marques, de Cáceres. Ele é meu amigo de infância. Nos reencontramos agora e nada melhor do que brindar este encontro com a vinda deste projeto. Na 6ª-feira a OAB estará de portas abertas em parceria com Município e o GAO com palestra trazendo informações sobre o câncer. E no sábado, dia 02 de setembro com apoio da Secretaria de Saúde, haverá atendimento deste médico e seus auxiliares em um PSF para fazer uma triagem com relação a qualquer suspeita de câncer. Poderão ser feitas mini cirurgias inclusive e quando não, o encaminhamento de exames que terão o resultado rápido, em 30 dias”.

Já nos dias 14 e 15 de setembro a OAB será parceira do workshop Sustentabilidade de Recurso Hídricos e Recursos Sólidos, que tem como organizador o IPAC. “Um assunto de extrema relevância e com pessoas de renome nacional. Serão dois dias falando sobre o tema”, finalizou Kleiton.