07/08/2017 07:38

Quantidade de visualizações: 3191

Marlenne Maria com Heverton Luiz

O fato foi registrado neste domingo (06), por volta de 18:00 no Distrito de Progresso.

Ivaldo Iung, cuja idade não foi confirmada, levou três tiros, disparados, segundo testemunhas, pelo vizinho Silvanei Lopes de Aquino, mais conhecido como Ceará.

Segundo o Cabo Adimilson, da Força Tática da Polícia Militar, a primeira informação que chegou à corporação foi de que estaria ocorrendo uma troca de tiros. “No local, populares e parentes da vítima nos relataram uma possível tentativa de homicídio. Pelo que pude observar era mais briga de vizinhos, porque agressor e vítima eram vizinhos. Por conta de um sol alto. O cidadão que efetuou os disparos foi conversar para baixar o som e não entraram em acordo. Então, ele efetuou alguns disparos contra a vítima, acertando um tiro na cabeça e dois no tórax”, relatou o PM.

Ainda de acordo com o PM, o suspeito é figura já conhecida da polícia. “O apelido dele é Ceará. Ele tem fama de ser bastante violento e ameaçar os moradores do Distrito. Ele fugiu em um caminhão de transporte de gado, azul. Se alguém tiver alguma informação que nos ajude a encontrar o Ceará do Progresso, entre em contato com a PM no 190 ou Polícia Civil no 197, para que possamos solucionar esta tentativa de homicídio”.

Durante as investigações no local, a Polícia verificou que na fuga o suspeito deixou cair alguns objetos pessoais, entre os quais, uma cápsula da arma de fogo que não deflagrou. “Encontramos no local uma munição não deflagrada. Provavelmente é uma pistola de uso restrito. Encontramos também a certeira, celular e documentação do veículo utilizado na fuga”, relatou o Cabo Edimilson.

A vítima foi trazida até a UPA 24 horas no Hospital Municipal onde ficou internado em estado grave, necessitando de cirurgia.