20/04/2017 08:44

Quantidade de visualizações: 226

Rádio Pioneira com G1/MT

Pescado foi apreendido dentro de caixa térmica em Santo Antônio do Leverger (Foto: Sema-MT/Divulgação)

Fiscais da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) apreenderam, na terça-feira (18), 196 kg de pescado irregular e quatro redes de pesca no município de Santo Antônio do Leverger, a 35 km de Cuiabá. De acordo com a Sema, a ação foi realizada em conjunto com o Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental, mas ninguém foi preso.

Conforme a equipe de fiscalização, os peixes apreendidos era das espécies cachara, pacu e pintado e foram encaminhados para a Perícia Oficial e Identificação Técnica do Estado do Mato Grosso (Politec), onde serão avaliados. Caso ainda possam ser consumidos, os peixes deverão ser doados a institutições filantrópicas.

De acordo com o coordenador de Fiscalização de Fauna e Flora da Sema, Júlio Reiners, o pescado estava escondido dentro de uma caixa térmica deixada no meio do matagal, próximo ao Rio São Lourenço. Nos próximos dias, segundo ele, serão lavrados os autos de infração. As multas para a pesca irregular variam de R$ 700 a R$ 100 mil.

Regras

Embora esteja fora do período de defeso da piracema, os pescadores profissionais e amadores precisam seguir algumas regras determinadas pela legislação estadual. São proibidos, por exemplo, o uso de apetrechos de pesca como tarrafa, rede, espinhel, cercado, covo, pari, fisga, gancho, equipamento sonoro, elétrico ou luminoso. Além disso, as medidas mínimas dos peixes, que constam na carteira de pesca do Estado, devem ser respeitadas.