06/01/2017 14:03

Quantidade de visualizações: 224

Aline Schwaab com Gilvan Melo

Foto: Gilvan Melo/ Rádio Pioneira

Em entrevista concedida à Rádio Pioneira, o novo pároco da Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Tangará da Serra, Frei Hélio dos Santos, falou sobre as expectativas frente à paróquia neste ano de 2017.

Retornando ao município após anos na Capital, Frei Hélio, falou com entusiasmo do retorno e dos trabalhos previstos para este ano. “É com muita alegria que estamos aqui (em Tangará) de volta e nesse novo ano já iniciando na condição de pároco. As expectativas são grandes, primeiro porque a Paróquia Nossa Senhora Aparecida tem uma longa história de religiosidade popular, de trabalho de pastorais e na linha especial de muitos movimentos. Pelo que vivemos e o que eu presenciei nos últimos dias de 2016 em Tangará da Serra, é que foi um ano muito rico e bom pela caminhada espiritual, especialmente por ser o Ano da Misericórdia. Estamos agora no Ano Mariano e percebemos um povo muito vivo e uma busca religiosa muito grande, que é uma marca da cidade e da Paróquia”, disse.

O novo pároco destacou que o trabalho já desenvolvido pela paróquia deve ser continuado. “Vejo que o trabalho das pastorais é muito grande, como a Pastoral da Família, a Lareira, os Acampamentos e outras, tem um resgate muito grande. Mas a expectativa em especial desse ano, junto desse povo, é trazer tudo isso para um conhecimento maior da Palavra de Deus, da Bíblia, que é a linha da nossa diocese. Fazermos esse grande crescimento nos bairros, poder estar junto com esse povo evangelizando através da Palavra de Deus”.

Segundo o pároco, a Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Tangará da Serra tem 37 comunidades. “Hoje nós temos duas Paróquias na cidade. Na nossa Paróquia tem 37 comunidades, a maioria da cidade, mas também interior, como Joaquim do Boche, Progresso e Deciolândia. Tem muito trabalho pela frente. É um ano de renovação para a gente”.

Frei Hélio salientou ainda que mais dois freis devem chegar à Tangará. “Eu estou retornando, mas em breve retorna também o Frei Carlos Zagonel que já trabalhou nessa cidade e o novo formador do Seminário, Frei Hélio Meireles. Estamos ganhando um número a mais de frades, estaremos em 6 freis esse ano. Então é uma expectativa muito grande”.